Nutrição

OBJETIVOS

Promoção de saúde

  • Avaliação de composição corporal e estado nutricional;
  • Avaliação de intolerâncias, sensibilidades e alergias alimentares;
  • Adequação da oferta de macronutrientes (proteínas, lipídeos e carboidratos) e micronutrientes (vitaminas e minerais), conforme as necessidades específicas e que ajude no bom funcionamento orgânico.

Rendimento Esportivo

  • Ter uma alimentação conforme a demanda da rotina de treinos (intensidade, duração e frequência);
  • Controle das refeições antes, durante e após o exercício;
  • Adequar a composição corporal (ganho de massa muscular, definição, redução de % de gordura) Estratégias adequadas de hidratação;
  • Utilizar de forma adequada os suplementos esportivos;
  • Ter uma alimentação buscando melhor fornecimento de energia;
  • Recuperação integral entre sessões de treino / evento esportivo (estoques energéticos e reparação tecidual);
  • Buscar na alimentação a redução de danos inflamatórios e de estresse oxidativo do esporte.

PROCEDIMENTOS REALIZADOS

Avaliação de hábitos alimentares

Coleta de dados detalhados sobre o padrão alimentar. A nutricionista coleta informações quantitativas e qualitativas. São identificadas deficiências/excessos de cada nutriente, distribuição calórica ao longo do dia, consumo calórico diário, predisposição para agravos à saúde ou desequilíbrio orgânico, combinado com horários das refeições e padrões de sono.

Avaliação Antropométrica

Avaliação da composição corporal realizada a partir da aferição de peso, altura, circunferências corporais e dobras cutâneas medidas por meio do adipômetro em diferentes áreas do corpo. Verifica-se, dessa forma, a adequação do estado nutricional, porcentagem de gordura e massa magra.

Teste de Bioimpedância (Inbody)

Equipamento de análise da composição corporal por meio da tecnologia de bioimpedância que oferece um relatório de percentual e distribuição de gordura corporal, massa magra, gordura visceral, densidade óssea, taxa metabólica, idade metabólica, taxa de hidratação e sugestão de valor energético diário.

Avaliação de gasto calórico diário

Avaliação da rotina ocupacional e da rotina de treinos (modalidade, frequência, intensidade e duração); dessa forma é estimado o gasto calórico diário. Métodos mais complexos como o teste espirométrico, e a bioimpedância também podem ser utilizados para esta avaliação.

Diagnóstico Nutricional

Interpretação de todas as avaliações realizadas previamente. Informações gráficas e conceituais compõem um relatório que apresenta todo o cenário nutricional do indivíduo avaliado, bem como os pontos que devem ser considerados na elaboração do plano alimentar (cálculos, objetivos de composição corporal, funcionais, suplementação e práticas gerais).

Plano Alimentar

Apresentação em relatório dos alimentos e suplementos que deverão compor o plano alimentar em porções e horários pré-determinados, a partir dos aspectos identificados no diagnóstico nutricional. São inseridas as refeições pré e pós-treino, bem como as reposições energéticas adequadas para cada objetivo. O plano alimentar proposto é embasado em conceitos nutricionais atuais, buscando atender os objetivos do indivíduo.

Teste de sensibilidade (intolerância) alimentar (Food Detective)

A intolerância alimentar decorre de processos imunológicos que levam ao aparecimento de sintomas como: cansaço, desatenção, cólicas, enxaquecas, tonturas, náuseas, aftas, prisão de ventre, diarreias, inchaço pelo corpo, dores articulares, entre outros. O teste é específico para identificar 59 alimentos que podem levar à produção de anticorpos IGG que podem estar associados à intolerância alimentar. É feito a partir de rápida coleta de sangue (como no exame de glicose) e analisado pelo método ELISA.

Avaliação da taxa de sudorese

Protocolo nutricional para identificação do volume de suor produzido durante 1 hora de exercício. A partir dessa avaliação, a nutricionista estabelece uma estratégia de hidratação individual, que atenda as necessidades exigidas para a manutenção do estado ótimo de hidratação.

Avaliação do estado de hidratação

O estado de hidratação é avaliado a partir da combinação do controle de pesagens, amostra de urina e da bioimpedância elétrica, com o objetivo de adequar estratégias de hidratação para melhor funcionamento muscular, regulação da temperatura corporal e rendimento esportivo.

Coleta de exames in loco para avaliação de fatores limitantes de rendimento esportivo

Coleta de exames laboratoriais importantes para a intervenção nutricional em esportistas e atletas de alto rendimento. São avaliados antes e após o exercício: perda hídrica, glicemia, corpos cetônicos, cortisol e marcadores bioquímicos de danos musculares por desgaste físico.